Marketing para drogarias: confira boas práticas para aumentar as vendas

Muitos gestores já aplicam o marketing para drogarias com excelentes resultados. O objetivo é de vencer uma concorrência cada vez mais acirrada e consumidores ainda mais exigentes. Na atualidade, a maioria das localidades conta com várias empresas do segmento e os clientes sabem que são disputados por elas.

Porém, como o marketing ajuda a diferenciar sua drogaria e a aumentar seus resultados? Pois bem, é essa pergunta que pretendemos responder para você neste texto. Continue a leitura e conheça as práticas que funcionam.

Razões para investir em marketing para drogarias

O marketing é constituído por um conjunto de ações com o objetivo de atender as necessidades e desejos dos clientes. Entre elas, temos as voltadas para o ambiente digital, o atendimento presencial e a comunicação, por exemplo.

De um modo geral, as estratégias e ações de marketing permitem que sua marca:

  • se comunique com o público certo, na hora e de maneira correta;

  • atraia retenha e fidelize clientes;

  • elabore um modelo de negócios que garanta excelência e resultados em venda e pós-venda.

A ideia central é a de que, se você consegue resolver problemas e atender desejos dos seus clientes, eles percebem benefícios superiores na sua oferta e ficam mais dispostos a pagar pelos seus serviços do que pelo dos concorrentes, que não são tão eficientes nessa tarefa.

No caso das drogarias, principalmente depois da criação dos medicamentos genéricos e de novos entrantes (concorrentes) no mercado, as marcas dos laboratórios deixaram de ser tão importantes e o consumidor se habituou a buscar o melhor preço.

Ao contrário da indústria que pode investir quantias significativas nas suas estratégias de comunicação com o mercado, as drogarias precisam de soluções criativas e otimizadas que apenas as boas estratégias de marketing podem oferecer.

Dicas do marketing para drogarias

O ponto de partida do marketing é sempre o cliente, seus hábitos, comportamentos, desejos e necessidades. Afinal, como seria possível elaborar soluções para os problemas do consumidor sem conhecê-los?

Desse ponto de vista, os medicamentos que sua drogaria comercializa resolvem as patologias que acometem seus clientes, mas sua farmácia precisa ser o remédio que elimina a dor que ele sente ao pesquisar, comprar, receber e consumir os produtos.

Conheça o cliente e sua jornada de compra

Para conseguir isso, você deve responder algumas perguntas sobre seu cliente, desde aquelas que identificam o que ele espera e precisa, até as que esclarecem o caminho que ele percorre na busca dessa solução.

Por exemplo. Um hábito muito comum na atualidade é buscar respostas aos problemas de saúde pesquisando sobre sintomas na internet. Inclusive, vários médicos alertam sobre os perigos desse comportamento.

Obviamente, não seria ético incentivar esse procedimento, mas, sabendo que ele ocorre, você tem a possibilidade de usá-lo a seu favor nos casos em que não houver prejuízo para a saúde do paciente.

Do mesmo modo, alguns clientes têm necessidades especiais de entrega e atendimento devido a restrições de locomoção e toda sorte de problemas (dores) que você pode ajudar a resolver. Isso é que é fazer marketing!

Aplique estratégias pontuais

A partir dos problemas de seus clientes você deve aplicar estratégias pontuais com o objetivo de estabelecer uma relação duradoura baseada na confiança. Ela é determinante para qualquer segmento, mas quando se trata de drogarias esse aspecto assume uma relevância sem igual.

Marketing digital

Você pode, por exemplo, usar do marketing digital para informar o consumidor sobre os detalhes que são importantes para ele, uma vez que sabe que ele usa a internet para pesquisar sobre problemas de saúde.

Obviamente, esse tipo de estratégia exige todo o cuidado para não passar dos limites impostos pela legislação, seja a relativa ao exercício da medicina, seja a determinada pela ANVISA. Contudo, há muito que pode ser informado em um blog ou por meio de páginas nas redes sociais.

Marketing regional

Outra característica marcante do segmento de drogarias está relacionada à sua localização. Direcionar suas ações de divulgação para a região próxima a cada loja, inclusive as aplicadas na internet, é uma forma de otimizar o seu investimento e, ao mesmo tempo, se posicionar diante do seu público de forma diferenciada.

No momento em que o consumidor identifica o seu estabelecimento como a principal drogaria da região, ela assume um status único e, dessa forma, é possível se diferenciar da concorrência. É muito mais fácil e barato conseguir uma posição superior atuando localmente do que em uma região de maior abrangência.

Condições especiais de entrega e outros benefícios exclusivos são exemplos interessantes do que você pode fazer.

Ticket médio

Estratégias de marketing que ajudem a aumentar o valor médio de cada compra também são excelentes alternativas. As drogarias são vistas como estabelecimentos que vendem medicamentos e muitas pessoas preferem os supermercados e as lojas especializadas para a compra de cosméticos, produtos de higiene e suplementos, por exemplo.

Oferecer produtos adicionais, descontos de estímulo e aplicar uma comunicação que demonstre que você tem boas condições na venda desses produtos, vai ajudar a vender mais para cada cliente e, desse modo, aumentar o faturamento no final do mês.

Trabalhe o marketing de relacionamento e a fidelização

Grande parte desse trabalho para aumentar o valor médio dos pedidos pode ser feito com uma boa estratégia de relacionamento e fidelização. O atendimento não termina com a conclusão da venda, um bom trabalho de pós-venda que vise manter um relacionamento vai fazer com que sua marca seja lembrada e preferida.

É fundamental entender que o marketing de relacionamento e a fidelização não se resumem a um cartão de fidelidade, ainda que ele seja fundamental deve ser compreendido como um programa. A forma que sua equipe trabalha com ele e os recursos que o modelo adotado oferece é que realmente fazem diferença.

Basicamente, a essência desse tipo de ação está em manter informações sobre os clientes, usá-las para entender melhor como eles se relacionam com a empresa e aprimorar os serviços de forma a proporcionar uma melhor experiência de compra.

Uma boa solução de fidelização deve permitir que você transforme os clientes esporádicos em frequentes e que parte de suas iniciativas de marketing sejam automatizadas. Além disso, você pode pensar em ofertar serviços e desenvolver ações diferentes para quem compra remédios de uso contínuo, por exemplo.

Porém, se sua empresa não tem a possibilidade de separar seus clientes em grupos com necessidades diferentes, viabilizando o desenvolvimento de estratégias adequadas a cada um deles, o seu marketing para drogarias estará prejudicado.

Então, é chegado o momento de refletir sobre como está funcionando sua estratégia de fidelização. Para isso, leia a publicação que separamos para você: “Você sabe como fidelizar o seu cliente?”



Deixe uma resposta

7 − cinco =